Com a inteligência artificial, é possível encontrar novos fornecedores em dias, em vez de meses

As empresas que adaptam sua base de fornecedores rapidamente obtêm vantagens em custos, resiliência e potencial de crescimento. Novas ferramentas podem reduzir em até 90% o tempo necessário para encontrar os fornecedores certos.

Os fornecedores certos  podem transformar o desempenho de uma organização e as empresas que mantêm sua base de fornecimento em sintonia com o que há de melhor no mercado alcançam significativas vantagens competitivas. Descobrimos que as empresas de melhor desempenho, comparadas a seus pares, podem alcançar posições de custo 5-10% mais baixas, com uma exposição a riscos críticos 20-50% menor, como a dependência de um único fornecedor de peças essenciais. Além disso, fornecedores com capacidades de última geração podem ajudar a empresa a diferenciar seus produtos, aumentando a participação de mercado.

No entanto, essa sintonia está se tornando cada vez mais difícil de conseguir em uma economia global em constante mudança, na qual o ciclo de vida das empresas é cada vez menor e as disrupções nas cadeias de suprimentos se tornam mais frequentes. Nesse ambiente volátil, os fornecedores certos de hoje podem não ser os melhores amanhã, portanto as empresas precisam desenvolver a habilidade de identificar e incorporar novos parceiros rapidamente.

Na maior parte das organizações, contudo, a busca por novos fornecedores é um processo manual – e desanimador. Em média, são necessários cerca de três meses para concluir a busca por um único fornecedor, sendo que o profissional de sourcing pode chegar a gastar mais de 40 horas de trabalho para realizá-la – e ainda assim, considerar somente algumas dezenas de um total de milhares de fornecedores.

Devido ao tempo e esforço requeridos, muitas vezes a identificação de novos fornecedores fica em segundo plano. As empresas se conformam com os mesmos fornecedores que têm há décadas, contentando-se com pequenas melhorias de desempenho e perdendo a oportunidade de criar valor, além de ficarem expostas a disrupções na cadeia de suprimentos.

Mas, e se fosse possível fazer uma busca em toda a economia global – em questão de dias – para encontrar os fornecedores certos?

Busca inteligente por fornecedores

Atualmente, uma abordagem mais eficaz para a identificação de fornecedores está emergindo.  Uma nova geração de ferramentas é capaz de equiparar um algoritmo de inteligência artificial (AI) com a expertise humana para melhorar radicalmente o processo de identificação de fornecedores, fazendo uma varredura de milhões de opções em uma fração do tempo tradicional.

Um especialista em categorias pode descrever o produto, o serviço ou a capacidade de manufatura que deseja encontrar, associado a quaisquer filtros, tais como localidade e outros – tudo em linguagem simples. Usando fontes de dados frequentemente atualizadas sobre milhões de fornecedores, obtidas de uma série de bancos de dados proprietários, comerciais e de fontes públicas, algumas globais e outras de regiões específicas, o especialista em categorias treina de forma iterativa um algoritmo de processamento de linguagem natural (NLP, na sigla em inglês) para fazer uma leitura das descrições de fornecedores no conjunto de dados total.

Após algumas iterações, o algoritmo NPL refina a lista selecionando alguns fornecedores que atendem aos critérios de busca do profissional. Essa abordagem iterativa permite que as ferramentas de busca funcionem com velocidade e precisão sem precedentes, gerando um shortlist de possíveis fornecedores a partir de um banco de dados de milhões, em poucas horas (Quadro).

We strive to provide individuals with disabilities equal access to our website. If you would like information about this content we will be happy to work with you. Please email us at: McKinsey_Website_Accessibility@mckinsey.com

A velocidade dessa abordagem ficou evidente nas primeiras semanas da crise da COVID-19. Um governo regional enfrentava gargalos na capacidade de testes devido à escassez de consumíveis críticos, incluindo esfregaços clínicos e meios de transporte viral. A alta e rápida demanda de testes, gerada pela pandemia, absorveu o excesso de capacidade dos fornecedores locais da organização, forçando o pessoal de procurement a buscar em lugares mais distantes.

Usando inteligência artificial, a equipe de procurement foi capaz de identificar mais de 30 fornecedores de alto potencial no mundo todo em menos de uma semana. Muitos deles não produziam os itens exatos de que a organização precisava, mas tinham capacidades similares. Quando a equipe contatou os fornecedores do shortlist, mais de 70% tinha capacidade de entregar.  Novos acordos de suprimento foram estabelecidos duas semanas após o início da busca e, após um mês, a organização já havia conseguido material suficiente para dobrar sua capacidade de testes. A mesma abordagem foi utilizada mais tarde durante a pandemia para garantir máscaras N95 para médicos e profissionais de saúde de primeira linha.

As ferramentas inteligentes de identificação de fornecedores não são úteis apenas em crises. A abordagem também está mudando a forma como as empresas desenvolvem novos produtos, entram em novos mercados e otimizam continuamente sua base de suprimentos. Um fabricante de equipamentos de ginástica, por exemplo, tomou a decisão estratégica de agregar recursos de áudio e vídeo em seus produtos. A empresa sabia que a demanda dos clientes por essas características era alta, mas não tinha experiência anterior com essas tecnologias nem conhecia fornecedores relevantes.

Como ilustrado no Quadro, a equipe de procurement da organização empregou AI para identificar cerca de 90 fornecedores potenciais em apenas três dias, incluindo vários de indústrias que a equipe não havia considerado antes, tais como fornecedores de equipamentos de áudio de uso marítimo. Em seguida, uma análise das variedades e capacidades de fornecedores de produtos resultou em contatos com um shortlist de cerca de doze possíveis parceiros.


O desenvolvimento de ferramentas de identificação de fornecedores baseadas em AI está mudando fundamentalmente a velocidade em que é possível encontrar os fornecedores certos e otimizar a base de suprimentos de uma empresa. Os profissionais de compras agora têm a habilidade de identificar potenciais parceiros mais promissores entre milhões de candidatos em questão de dias, proporcionando-lhes ferramentas para lidar com a atual economia em rápida mudança. Essa necessidade de rapidez tende a aumentar – e as empresas que alavancarem tecnologias emergentes para responder a ela serão recompensadas.

Explore a career with us

Related Articles